1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11

Jaguariaíva conclui mobilizações da Semana Municipal de Enfrentamento à Violência Contra as Mulheres

A administração municipal, através da Secretaria de Habitação e Desenvolvimento Social (SHADS) e o CREAS (Centro de Referência Especializado de Assistência Social) concluiu nesta quinta (25) as ações da Semana Municipal de Enfrentamento à Violência Contra as Mulheres. A campanha iniciou dia 22, com visitas aos bairros, culminando com uma ação de conscientização na Praça Getúlio Vargas.

Na semana as equipes foram de casa em casa para dar visibilidade às formas de atendimento às vítimas e as características da violência contra a mulher, relata a secretária da pasta, Cleia Sloboda. Ela conta que quase dois mil folhetos foram distribuídos e que o foco das abordagens foi mostrar que as mulheres podem contar com a ajuda da administração municipal para enfrentamento do problema. Foi bastante incentivada a denúncia de casos por terceiros, que pode ser anônima, pelo disque 100, 180 e 3535-9387 (CREAS).

Marcando o Dia Internacional da Não Violência contra as Mulheres, a prefeita Alcione Lemos deixou palavras de encorajamento e acolhimento às usuárias dos CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) Pedrinha e Primavera, convidadas especiais para a mobilização na Praça Getúlio Vargas, centro de Jaguariaíva. “Não podemos deixar que nos façam vítimas de qualquer tipo de violência”, orientou. Ela enfatizou ainda que Jaguariaíva está em transformação e que hoje as mulheres estão conquistando seu espaço, contudo muitas ainda sofrem e precisam de ajuda. Alcione lembrou que Jaguariaíva é feita por todos e convocou a população a protagonizar a luta por uma sociedade melhor.

A diretora de Proteção Especial, Rita Maganhati, e a coordenadora do CREAS, Zenaide de Azevedo Fanha, também no encerramento, explicaram que o município presta serviços de assistência e fortalecimento das vítimas, com apoio social, psicológico e jurídico, com possibilidades de encaminhamento das mulheres para o judiciário, visando adoção de medidas protetivas, para distanciamento do agressor, com apoio da Polícia Militar (Botão do Pânico) e até mudança de identidade se necessário.

Presenças - Entre os apoiadores da campanha esteve a secretária de Turismo e Meio Ambiente, Sandra Maria Negrini, autora, quando vereadora, do projeto que propõe a semana de conscientização municipal de combate à violência doméstica e familiar contra a mulher, e a edil Verli do Povo, que deixou um depoimento de superação de violência no lar. Compareceram ainda na conclusão da campanha os secretários municipais José Amilton Romão (Comunicação), Bruna Miranda (Finanças e Planejamento), Erla Mello (Educação, Cultura, Esporte e Lazer), Amália Alves (Saúde) e Tânia Maristela Munhoz (Negócios Jurídicos).

semana-nao-viol...
semana-nao-violencia-contra-mulher-2 semana-nao-violencia-contra-mulher-2
semana-nao-viol...
semana-nao-violencia-contra-mulher-3 semana-nao-violencia-contra-mulher-3
semana-nao-viol...
semana-nao-violencia-contra-mulher-4 semana-nao-violencia-contra-mulher-4
semana-nao-viol...
semana-nao-violencia-contra-mulher-5 semana-nao-violencia-contra-mulher-5
semana-nao-viol...
semana-nao-violencia-contra-mulher-6 semana-nao-violencia-contra-mulher-6
semana-nao-viol...
semana-nao-violencia-contra-mulher-7 semana-nao-violencia-contra-mulher-7
semana-nao-viol...
semana-nao-violencia-contra-mulher semana-nao-violencia-contra-mulher
semana-nao-viol...
semana-nao-violencia-mulher-9 semana-nao-violencia-mulher-9


Vídeo - Covid 19