1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11

Monitoramento por câmeras e policiamento ajudam a reduzir números de furtos e roubos em Jaguariaíva

Com o monitoramento por câmeras, a guarda patrimonial fazendo rondas 24h e o aumento do policiamento, os índices de criminalidade no município de Jaguariaíva tiveram uma queda nos últimos meses.

Com investimento de cerca de R$ 500 mil, as 96 câmeras de segurança e a sala de monitoramento funcionam desde o início do ano em um trabalho conjunto com a Polícia Militar e Civil, apresentando resultado positivo com a elucidação e inibição de práticas criminosas.

Além de um veículo destinado para a Guarda Patrimonial neste ano, a prefeita Alcione Lemos continua investindo no aprimoramento do serviço, inclusive com a aquisição de duas motos e uniformes para os guardiões, além de um novo local para sediar a Guarda Patrimonial. “Estamos investindo em segurança pública e buscamos apoio do Governo do Estado para aumentar o policiamento em Jaguariaíva, o monitoramento por câmeras e a guarda patrimonial, circulando dia e noite, contribuem na redução dos índices de criminalidade”, afirma a chefe do Executivo.

Nos prédios públicos, as câmeras já ajudaram na identificação de autores de arrombamento e furtos na UBS Dr. Domingos Cunha, onde um dos autores foi preso pela polícia, também no CRAS Primavera, onde o suspeito já foi identificado e o caso está sendo investigado pela Polícia Civil. Além destes casos, as imagens também auxiliam a Polícia Civil na identificação de outros crimes, como afirma o delegado Derick Moura Jorge. “Além de ser uma ferramenta para prevenção de crimes, as imagens têm auxiliado de sobremodo para identificar trajetos, características de suspeitos e outras circunstâncias importantes para a investigação. Desde o início do ano, em quase todas as situações que chegam até a Delegacia de Polícia Civil há a utilização das imagens das câmeras da prefeitura municipal”, explicou o delegado.

Índices - De acordo com o Tenente Emerson Muleta, da Polícia Militar, as ocorrências de roubos e furtos diminuíram neste ano em relação ao mesmo período do ano passado. Até junho de 2021, em relação ao mesmo período do ano passado, os boletins de roubo (crime que consiste em subtrair coisa móvel pertencente a outrem por meio de violência ou de grave ameaça) tiveram uma diminuição de 41,75% após a instalação das câmeras de monitoramento.

As ocorrências de furto (crime de subtração do patrimônio de outra pessoa, sem que haja violência) também tiveram redução neste período, de janeiro a junho, de quase 18,5%, em relação ao ano passado.

Os acidentes com vítimas atendidos pela PM também apresentaram queda, de 27 situações em 2020 para 13 atendimentos em 2021. A redução destas ocorrências também teve influência direta dos decretos municipais proibindo a comercialização e consumo de bebidas. O papel das câmeras nesta situação é flagrar o fato e auxiliar as autoridades policiais na causa dos acidentes e identificação dos responsáveis.

O tenente Muleta ainda ressaltou que atualmente há um novo formato de policiamento com extrajornada alternativa, duas viaturas e apoio do Choque.

O Tenente Coronel Leonel José Beserra, comandante do 1º Batalhão, salientou a importância da parceria com o poder público municipal para garantir a efetividade da segurança pública. “Temos uma responsabilidade sobre os municípios dos Campos Gerais, sob comando do 1º Batalhão, e observamos que os investimentos na área de segurança pública, bem como os decretos do Estado e do município de Jaguariaíva, instalação de câmeras e reforços enviados como o Pelotão de Choque e o empenho do efetivo local, contribuem para a redução dos índices. Temos trabalhado em parceria com a prefeita Alcione, sempre pensando segurança pública como um dever coletivo, garantindo a tranquilidade dos moradores”, finalizou.


Vídeo - Covid 19