1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11

Jaguariaíva sedia reunião de pactuação pelo fortalecimento e qualificação da atenção primária em saúde

A Secretaria Municipal de Saúde (Semus) sediou na sexta-feira (7) a reunião local de pactuação pelo fortalecimento e qualificação da atenção primária. O encontro, promovido pela 3ª Regional de Saúde, faz parte de um processo de avaliação e reorganização dos serviços e resultados nos 12 municípios de sua abrangência.

Da reunião participaram o prefeito José Sloboda, coordenadoras das unidades básicas de saúde e serviços como TFD (tratamento fora do domicílio) e Saúde Bucal, secretária Amália Cristina Alves, o diretor do Hospital Municipal Carolina Lupion (HCML), Josias Zacharow Pedroso, presidente do Conselho Municipal de Saúde, Rafael Pomim Lopes, técnicos e o chefe da 3ª Regional de Saúde, Robson Xavier da Silva.

As discussões tiveram como referência registros de atendimento, análise de indicadores do Sispacto e outros sistemas, mais a experiência de dia-a-dia dos profissionais no atendimento e encaminhamento dos pacientes aos serviços. Em conjunto os gestores falaram de soluções a curto, médio e longo prazo para melhoria do suprimento da demanda e custeio dos serviços de saúde.

 O foco foi a atenção básica, contudo o prefeito José Sloboda reforçou o pedido de suporte da SESA (Secretaria de Estado da Saúde) para disponibilização local de mais profissionais e estrutura para socorrer em tempo pessoas com quadros graves de saúde.

Com o apoio do Estado, Silva, chefe regional, disse que o município deve integrar o sistema de microrregionalização de serviços, que está em fase de implantação e estudos pelo Estado. “Jaguariaíva tem papel fundamental neste processo, abrangendo os municípios de Sengés, Arapoti e Piraí do Sul”, disse Silva. No último mês foi pactuada a recepção de gestantes de Sengés para partos no HCML. A secretária Amália informou que o serviço está em andamento, inclusive nos primeiros 15 dias já atingiu a média de partos prevista para o mês.

Segundo o chefe da Regional, Jaguariaíva deve receber apoio visando também a realização de partos de gestantes encaminhadas de Piraí do Sul e Arapoti.  “Precisamos fortalecer esta unidade hospitalar, que tem um papel fundamental na rede”, destacou, acrescentando ainda que a prioridade dos municípios, sobretudo no interior, é identificar e combater as fragilidades na atenção básica.

A proximidade da Regional foi comemorada pelo prefeito José Sloboda, que observou que além de recursos, a troca de experiências e união de esforços será bem vinda. “Temos dificuldades em comum com outros municípios e esta proximidade será importante para cumprir nosso intuito, que é o de sempre melhorar para a população”, disse.

Coordenadoras das unidades básicas de saúde e serviços como TFD (tratamento fora do domicílio) e Saúde Bucal, secretária Amália Cristina Alves, o diretor do Hospital Municipal Carolina Lupion (HCML), Josias Zacharow Pedroso, presidente do Conselho Municipal de Saúde, Rafael Pomim Lopes e técnicos da 3ª Regional de Saúde discutiram possibilidades de melhorias para a saúde.


Vídeo - Covid 19