Prefeitura Mun. de Jaguariaíva - Prefeitura coordena trabalhos emergenciais e trabalha na reconstrução do que foi danificado pelas chuvas

Prefeitura coordena trabalhos emergenciais e trabalha na reconstrução do que foi danificado pelas chuvas

Desde a manhã de 5 de junho, segunda-feira, equipes da Prefeitura e Defesa Civil estiveram percorrendo todo o município com o intuito de verificar “in loco” a situação de cada bairro atingido pelas fortes chuvas das últimas horas, tomando, num primeiro momento, as providências mais emergenciais.

Extremamente preocupado com a situação no município, tendo em vista os estragos causados, já nas primeiras horas o Prefeito de Jaguariaíva, José Sloboda, convocou reunião de emergência com as equipes da Secretaria de Infraestrutura e Habitação e Defesa Civil, planejando e coordenando, pessoalmente, várias frentes de trabalho, priorizando as ocorrências de forma a atacar os problemas mais urgentes e cruciais.

Equipes do Departamento de Limpeza, de Construção Civil, de Manutenção Elétrica e Rodoviário estiveram o tempo todo de prontidão para atender os problemas mais graves. Além de equipes da Prefeitura, estiveram presentes o Corpo de Bombeiros, e voluntários da Defesa Civil que também disponibilizaram máquinas e o transportese necessário.

As chuvas foram muito fortes desde a madrugada de domingo para segunda, causando transtornos em vários pontos da cidade. Além de alguns pontos de alagamento, o rio saiu de seu leito no bairro Nossa Senhora de Fátima. No entanto, se comparado com as últimas ocorrências, dessa vez os estragos foram menores, o que comprova que as ações de desassoreamento do rio, promovidas pela Administração Municipal, deram resultados bastante positivos.

A primeira ação foi dar início a um levantamento das ocorrências, trabalhando na limpeza, recuperação e reconstrução do que foi danificado ou destruído pelas águas e na elaboração de relatório, elencando as situações mais emergências tanto na área urbana como na rural.

Na zona urbana, verificou-se deslizamentos de margens do rio, erosões nos córregos do Sta. Cecília e no Lagoão, estragos e buracos nas vias urbanas devido a ação das chuvas. Ocorrências mais graves ficaram por conta da ponte que caiu ligando os bairros Nossa Senhora de Fátima ao Fluviópolis e na passarela de ligação entre o Nossa Senhora de Fátima à Vila André. Nessas duas situações, por estarem ainda em garantia, a Prefeitura Municipal já entrou com processo, apurando responsabilidades. Na Vila Kennedy, a ponte de ligação com o Boa Vista também teve a cabeceira comprometida, sendo necessária a reconstrução da mesma.

Durante o levantamento das situações, foi verificado também o desmoronamento de encostas no bairro Pedrinha, o que colocou em risco algumas residências que estão sendo monitoradas pela Defesa Civil e Prefeitura. Além disso, foram encontrados problemas também em galerias de águas pluviais que foram danificadas devido ao excesso de chuvas, principalmente em áreas de Fundo de Vale, como, por exemplo, Barro Preto, Boa Vista, Taquaral e Vila André.

Na zona rural, além dos estragos nas estradas devido aos alagamentos, ainda não foi possível levantamento preciso das condições das pontes, uma vez que as mesmas ainda se encontram submersas, dificultando a verificação dos danos. “Pela experiência de anos anteriores, acreditamos que teremos de recuperar muitas das pontes da zona rural”, explica o secretário de Infraestrutura e Habitação, engenheiro Sergio Cruz.

Para acompanhar os trabalhos, a Defesa Civil do Estado enviou representantes até Jaguariaíva para ajudar no levantamento da situação e cadastro de informações junto aos órgãos competentes, objetivando a liberação de recursos para a recuperação dos danos causados devido às fortes chuvas.

dscn0326
dscn0326 dscn0326
dscn0935
dscn0935 dscn0935
dscn0938
dscn0938 dscn0938
dscn0940
dscn0940 dscn0940
dscn0944
dscn0944 dscn0944

e-max.it: your social media marketing partner